Arrase de salto alto sem sofrimento

O salto alto é um santo amigo quando a ideia é arrasar no look, não importa a ocasião, mas quem nunca sofreu com dores depois de uma maratona de salto alto que atire a primeira pedra!

Lindo e parceiro da silhueta, afinal, o salto modela o corpo (e deixa toda mulher muito mais sexy), ele também pode ser um inimigo se não tivermos alguns cuidados para amenizar os efeitos de andar nas alturas. Então, atenção aos truques:

Pegue um pedaço de fita adesiva, esparadrapo ou micropore, e passe entre o terceiro e quarto dedos de cada pé (contando a partir do dedão). A fita deixa os dedos unidos e diminui a pressão e o peso sobre o local, assim, você evita dormência e dores nos pés. Mas o que a fita tem a ver com o salto? Essas dores ocorrem pois existe um nervo entre esses dois dedos que quando é pressionado de maneira incorreta pode causar dores. Então, junte seus dedinhos e problema resolvido!

Evite dores nos pés com fita adesiva
Evite dores nos pés com fita adesiva
Prenda os dedos com a fita
Prenda os dedos com a fita

ATENÇÃO: para não cortar a circulação sanguínea, não prenda a fita muito apertada.

Ok, sabemos que a fita pode ser desconfortável então que tal apostar em protetores para os pés? Existem diversos modelos e formatos disponíveis, bem como uma infinidade de materiais. Escolha o que você melhor se adapta e coloque nas partes de sofrem mais atrito.

Protetores são ótimos aliados de quem anda de salto
Protetores são ótimos aliados de quem anda de salto

Por exemplo, se você tem um sapato que sobra um pouquinho no calcanhar, coloque um desses protetores para evitar o entra e sai do calçado e as (terríveis) bolhas.

Apele para o protetor de calcanhar para evitar bolhas
Apele para o protetor de calcanhar para evitar bolhas

Palmilhas anatômicas e almofadinhas de silicone também são boas opções para reduzir o impacto nos pés.

Palmilhas anatômicas também resolvem os problemas para andar de salto alto
Palmilhas anatômicas também resolvem os problemas para andar de salto alto sem sofrimento

Falando em impacto, outro truque muito simples é evitar de ficar horas a fio de pé. Sente-se sempre que possível. Mas aqui vai o truque: nos momentos sentada, cruze as pernas e alongue-as. Tudo com muita elegância, assim você descansa os pés e ainda exibe o salto lindo.

Descanse as pernas quando estiver de salto
Descanse as pernas quando estiver de salto

Outra dica para reduzir as chances de dores nos pés após é a escolha do seu salto alto. Se a ocasião permitir, opte por sandálias com tiras no tornozelo, elas não deixam os pés escorregarem. Ou invista em um salto plataforma, esse tipo de calçado dá mais segurança ao caminhar.

Quanto mais grosso for o salto melhor, assim você terá mais sustentação ao pisar. Além das sandálias com tiras e das plataformas inteiras, você pode optar pelas plataformas frontais, as famosas meia pata!

Saltos grossos e estilo meia pata aliviam o impacto ao caminhar
Saltos grossos e estilo meia pata aliviam o impacto ao caminhar

Ah, o jeito que você caminha pode fazer diferença sabia?! O certo é apoiar no chão primeiro o calcanhar seguido da borda e por último os dedos e não ao contrário.

Na hora de comprar o sapato escolha sempre o número certo do seu pé. Um número maior pode gerar bolhas e o menor vai, com certeza, te apertar. Um velho truque pode te salvar de desconfortos posteriores. Sempre compre sapatos ao final do dia, dessa forma seus pés já estarão um pouco inchados e você pode sentir como o sapato fica realmente.

Pés hidratados sofrem menos, então, abuse da hidratação para manter seus pés macios e descansados.

Depois destes truques abuse e arrase de salto alto a noite toda sem descer do salto!

BÔNUS:
Agora que você não vai mais sofrer com o salto que tal conhecer um pouco mais sobre ele e saber o que melhor com cada tipo?!

Conheça vários tipos de salto alto
Conheça vários tipos de salto alto

Fonte: SOS Solteiros e Wikihow

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *